Vídeo: Família fica traumatizada ao ser expulsa do avião porque a filha de 2 anos não colocou máscara

As medidas de proteção contra a covid-19 estão sendo levada sério em muitos lugares do mundo, por exemplo nos aviões é proibido viajar sem máscara.
Uma família ficou chocada ao serem expulsos de um avião, o motivo é que a filha de 2 anos se recusou a pôr máscara. Eliz Orban que é uma influenciadora digital reclamou que as bagagens e objetos da criança seguiram viagem mesmo sem eles.
O caso aconteceu na ultima sexta-feira, mas só foi divulgado no dia seguinte pela família.
“Hoje fomos expulsos de um voo da United [Airlines] indo de Denver para Newark porque nossa [filha] de 2 anos não “obedeceu” em manter a máscara dela [no rosto]. Vá ver o IGTV completo no meu Instagram”, dizia a mãe no Twitter.
No vídeo é possível ver o pai da criança tentando colocar a mascara na criança que se recusava, foi quando o segurança disse que eles teriam que abandonar o voo.
O pai pensou que era uma brincadeira, mas o segurança informou que não estava de acordo com as regras da empresa e teriam que sair sem os objetos que seriam enviados ao destino.

“Nossa cadeira de criança está naquele avião. Como vamos voltar para casa? Isso é uma piada de verdade?” disse a mãe indignada.
A mulher conta que não era a primeira vez que viajava nesse avião e que naquele dia iriam a um jantar de amigos na cidade natal do marido.
“Sentimos que não recebíamos nenhum aviso, nada para ajudar na situação. Foi como, ‘Oh, bem, sua filha de dois anos não está obedecendo, vocês estão fora do avião. A experiência foi absolutamente traumatizante e muito humilhante”, comentou ela.

+  Angélica publica foto com o pai internado e comove internautas: "Ainda estamos vigilantes"

Assista o vídeo gravado no avião:



A empresa se manifestou sobre o ocorrido postando uma nota de esclarecimento:
“A saúde e a segurança de nossos funcionários e clientes é nossa maior prioridade, e é por isso que temos um conjunto de políticas em várias camadas, incluindo obrigar todos a bordo com dois anos ou mais a usarem uma máscara.”
“Esses procedimentos não são apenas respaldados pela orientação do CDC [Centros para Controle e Prevenção de Doenças] e nossos parceiros na Clínica Cleveland, mas também são consistentes em todas as grandes companhias aéreas. Estamos investigando esse incidente específico e entramos em contato com a família. Também reembolsamos suas passagens e devolvemos a cadeirinha e as malas”, conclui.
Antes de viajar veja as regras de cada empresa para evitar situações como essa. Qual sua opinião sobre o ocorrido? Seria correto deixar a menina viajar sem máscara por ser criança? Compartilhe essa noticia com todos!

+  A casa caiu! Vídeo mostra o momento da prisão do playboy que agrediu covardemente um mecânico


PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário